O poder de um lápis.

Me lembro até hoje, 11 de outubro de 2015. Era um domingo com tempo agradável. Eu e meu fiel amigo Jacob fomos até o centro de Nairóbi para comprarmos os primeiros materiais para escola que os refugiados fundaram para as crianças da comunidade. Era o único dia que tínhamos tempo, mas a maior parte das lojas estavam fechadas, salvo por um mercado e uma barraquinha que ficava na beira da estrada, no fim de uma longa rua.

– Quanto está o lápis? – Ele perguntou em suaíli.

– Oitenta xelins a caixa com 12. – Respondeu a atendente por trás da grade, algo comum em lojas da cidade.

Oitenta xelins. Aproximadamente três reais. 12 lápis por três reais. Um lápis por 25 centavos.

Vinte e cinco centavos.

Eu nunca esqueço toda a “pernada” feita no centro, andando de um lado para o outro para encontrar um lugar onde comprar cadernos e livros de atividades. O mercado foi a única alternativa. Passamos um bom tempo nas prateleiras e enchemos nossas cestinhas. A cada caderno passado no caixa, um sorriso trocado. A atendente olhava com cara de quem não entendia nada.

Saímos de lá com uma caixa de cada. O Jacob carregava na cabeça e eu em frente ao corpo. As ruas estavam desertas e a gente ria alto, de felicidade mesmo. Parecia que ecoava.

Então veio o dia seguinte, 12 de outubro. Dia de entregar para cada criança seu lápis e seu caderno. De se surpreender ao ver o sorriso no rosto de cada uma e a comemoração por aquilo. Do brilho nos olhos. Da (única) bola de futebol deixada de lado. Aquele lápis era muito mais legal que uma bola de futebol! Aquele simples lápis ia fazer com que a Rosemarie virasse uma professora e a Carol uma médica. Aquele lápis ia dar o poder as meninas e meninos que eles temiam perder: o direito a educação.

Um simples lápis de 25 centavos comprado numa barraquinha no fim de uma rua. Um simples lápis que está reescrevendo a história de todas elas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s